‘Fazer-se Professor’: Prefeitura de Teresópolis premia os melhores projetos de professores da rede pública municipal

You are currently viewing ‘Fazer-se Professor’: Prefeitura de Teresópolis premia os melhores projetos de professores da rede pública municipal
Compartilhar:

Objetivo é fortalecer a educação do município por meio da valorização dos educadores

A edição do Prêmio ‘Fazer-se Professor – Conectados Pela Educação 2.2 – A valorização dos profissionais da Educação a partir da práxis educativa no pós-pandemia’ foi realizada na última sexta-feira, 18, no Clube Comary. Organizada pela Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Educação, a iniciativa entregou prêmios a 27 educadores da Rede Municipal de Ensino, totalizando R$ 154 mil, em evento para professores participantes e convidados.

Ao todo, foram 91 projetos inscritos de educadores do Pré-escolar ao ensino fundamental II. Após análise minuciosa da comissão julgadora, os 27 projetos vitoriosos foram escolhidos e anunciados no evento, que contou com a entrega de placas de agradecimento aos integrantes da comissão julgadora e show de Aloisio Bruno, acompanhado do saxofonista Leandro Lopes.

Primeiro lugar na categoria ‘Gestores e Orientadores Pedagógicos’, a equipe da Escola M. Sizenando Adolpho Tayt-Sohn, localizada em Motas, no 3º Distrito, recebeu com muita alegria o reconhecimento do trabalho.

“Representamos a nossa querida escola com o projeto ‘Nossa Escola, nosso povo, nossa gente, gente linda que faz acontecer’. Como estou feliz! Gratidão a esta equipe linda que vem trabalhando conosco, aos alunos e às famílias por acreditarem em nosso trabalho. Ver nosso trabalho fora do chão da Escola é o que nos move para lutar por uma Educação de qualidade”, comentou a diretora da unidade, Sandra Mendes, que idealizou o projeto em conjunto com a professora Jeneffer Cereja.

A secretária de Educação, Satiele Santos, destacou a satisfação de participar de mais uma edição do evento, frisando sobre o importante trabalho dos educadores. “Hoje a noite é dos educadores que estão nas escolas enfrentando o dia a dia, os desafios são diários e vocês encaram com muito amor, dedicação e competência. Desejo que, no próximo ano, o número de trabalhos inscritos triplique porque o que vocês realizam nas escolas, nas creches, em cada segmento, como educadores, é fundamental e é o que move nossa Educação”, afirmou Satiele Santos.

RESULTADOS FAZER-SE PROFESSOR

Categoria PROFESSOR REGENTE EDUCAÇÃO INFANTIL

  • 1º LUGAR: Muito prazer! Eu sou leitor! , autoria Maclean da Paz Guarnido Filha e Renata Cristina Martins Pereira
  • 2º LUGAR: Memórias – MOVElab de Corpo Inteiro, autoria Vanessa Chamorro
  • 3º LUGAR: Do Sensorial ao Emocional: aprendendo significativamente com o coração, autoria Livia Turl Vidal

Categoria PROFESSOR REGENTE FUNDAMENTAL I

  • 1º LUGAR: Pensando a morte, de autoria Maria Clara Moreira dos Santos
  • 2º LUGAR: O superpoder do abraço, autoria Luana Alves
  • 3º LUGAR – Copas de futebol, autoria Mariana Maria Moreira

Categoria PROFESSOR REGENTE FUNDAMENTAL II

  • 1º LUGAR – Caminhares e afetos: (re)construindo as paisagens da cidade, autoria Felipe Vieira Valentim
  • 2º LUGAR – DATACENSF – coleta de dados e produção de informação a partir da cesta básica em Teresópolis, autoria Roberta Montello Amaral
  • 3º LUGAR – Eu sou notícia, o que eu espero do futuro, autoria Késsia da Silva Henrique

Categoria PROFESSOR DOCENTE DA EJA

  • 1º LUGAR – Curta metragens e produção textual: uma proposta de informática educativa na EJA, autoria Raphael Pereira Victoriense
  • 2º LUGAR – Pega na mentira, autoria Rafael Luiz Leite Lessa Chaves
  • 3º LUGAR – Onde as histórias da vida se encontram, autoria Katiuscia Pereira Ribeiro

PRÊMIO DESTAQUE:

DESTAQUE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO

  • 1º LUGAR: Conhecendo o município de Teresópolis através do INOVALAB, autoria Larissa Erthal de Oliveira
  • 2º LUGAR: Nove mentiras e uma verdade sobre as atividades gamificadas nas aulas de Geografia, autoria Marcel Robalinho Peçanha
  • 3º LUGAR – Música e conhecimento: afeto, cognição e tecnologias, autoria Daniel Amaro Coelho

DESTAQUE AGENTE DE CRECHE

  • 1º LUGAR: Vivenciando e aprendendo matemática na Educação Infantil, autoria Richela dos Santos Francisco Macena
  • 2º LUGAR – Brincar e aprender: a construção do conhecimento na ludicidade, autoria Roceline de Souza da Costa de Oliveira
  • 3º LUGAR – A arte de brincar, autoria Danilo Augusto Paes Leme Teixeira

DESTAQUE ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO

  • 1º LUGAR – Educação inclusiva conectando os espaços educativos, autoria Michele da Costa Oliveira Bastos
  • 2º LUGAR – Um olhar especial, releitura da obra: A Cidade de Teresa, autoria Rita Damiana Mendonça D’Ávila
  • 3º LUGAR – Uma experiência CHEF da Dona Maricota, autoria Bianca Ferreira Mattos

DESTAQUE PROJETO INTERDISCIPLINAR

  • 1º LUGAR Fazer-se pesquisador: ações interdisciplinares na construção do pesquisador júnior, autoria Fernanda Paixão de Souza Gouveia
  • 2º LUGAR – Entre tabelas e gráficos, “não há vagas”, autoria Renan Marques Pereira e Vanderleia de Rezende Garcia
  • 3º LUGAR – Paisagem e arte: estudos interdisciplinares a partir do conto O Pote Vazio, autoria Layane Pereira Pavão

DESTAQUE GESTÃO

  • 1º LUGAR – Nossa escola, nosso povo, nossa gente, gente linda que faz acontecer, autoria Sandra de Fátima Mendes e Jeniffer Cereja
  • 2 º LUGAR – O protagonismo da criança na Educação Infantil, autoria Dyana Carvalho Cardoso Guimarães
  • 3º LUGAR – Minha Terê, autoria Luiz Felipe Ferreira Mendes

Fotos: Bruno Nepomuceno