ANO LETIVO 2023: Pré-matrícula para creches municipais e CMEI será realizada entre os dias 25 a 31 de janeiro

You are currently viewing ANO LETIVO 2023: Pré-matrícula para creches municipais e CMEI será realizada entre os dias 25 a 31 de janeiro
Compartilhar:

O cadastro acontece em unidades da cidade e do interior, das 8h às 16h

A Secretaria Municipal de Educação (SME), realizará, entre os dias 25 a 31 de janeiro, o período de pré-matrícula referente ao ano letivo de 2023 para as turmas de berçário, maternal e jardim nas Creches Municipais (CM) e Centros Municipais de Educação Infantil (CMEI). O cadastro será feito em unidades da cidade e no interior, das 8h às 16h, para que os pais e responsáveis se direcionam a unidade que seja mais próxima à sua residência. A vaga não está condicionada à ordem de inscrição.

 

UNIDADES DA ZONA RURAL:

– Profª Alayde Ferreira da Silva (Vargem Grande);

– Doraci Dállia Granito (Bonsucesso);

–  Mariana Martuchelli (Independente de Mottas).

 

UNIDADES DA ZONA URBANA:

– CMEI Profª Marilia Morgado Carneiro (Alto);

– CM Miss. Manoel Mello Silva (Agriões);

– CM Manoel Carreiro Sobrinho (Barra do Imbuí);

– CM Edomiro (Loteamento Féo);

– CM Profª Mara Luciana Brandão Bravo (Fátima);

–  CM Mariazinha Jannotti (Araras);

– CM Menino Jesus de Praga e CM Profª Rosália Martins de Lima Silva (Fonte Santa);

– CM Sempre Viva (Meudon);

– CM Amor Perfeito (Pimentel);

– CM Oscar Lobato e CM São Pedro (São Pedro);

– CM Professora Oneide Maria dos Santos (Várzea);

– CM Paraíso (Vale do Paraíso) e CM Profª Elza Corradini Medeiros Santa Rita (Várzea).

– CM Lar de Isabel, a Redentora (Pimenteiras)

– CMEI José Maria Leitão (Parque Ermitage)

 

DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA:

– Cópia da certidão de nascimento do aluno;

– Comprovante de residência atual (no mínimo 6 meses) em nome do responsável ou cópia do comprovante de aluguel (pode ser declaração do dono da residência);

– Cópia do RG e do CPF do responsável;

– Laudo médico original e atual (máximo 6 meses) no caso de estudantes com necessidades especiais;

– Cópia do comprovante de rendimentos/contracheque do responsável;

– Cópia do extrato do Bolsa Família atual (máximo 2 meses);

– Cópia do comprovante de trabalho de todos os moradores da residência;

– Cópia do comprovante de aluguel (pode ser declaração do dono da residência);

– Situação de risco: a criança estar em situação de risco comprovado através de relatório descritivo lavrado pelo Conselho Tutelar, Ministério Público ou Vara da Infância e Juventude;

– Cópia da certidão de nascimento dos irmãos, em cada pré-matrícula realizada.